gesso-agricola
Produção Rural

Gesso Agrícola: O Que É, Benefícios, Tipos e Como Aplicar no Solo?

O uso do gesso agrícola vem crescendo nas lavouras brasileiras. Na região do Cerrado, por exemplo, que tem cerca de 80% de sua área com algum problema de acidez no solo, a aplicação do gesso tem tido excelente aceitação por parte dos produtores, pois é responsável pela melhora significativa da qualidade do solo.

A gessagem traz diversos benefícios para a lavoura, além de ser uma tecnologia barata. Continue lendo este artigo para saber mais sobre gesso agrícola e entender quando e como fazer a sua aplicação!

Leia também:

NR 31: O Que é, Qual a Importância e Suas Aplicações?
Software de Gestão Rural: 8 Dicas Para Escolha de um Bom Software!
Pragas da Soja: 9 Principais, Seus Danos e Forma de Controle!

O Que É Gesso Agrícola?

O gesso agrícola (sulfato de cálcio) é um importante insumo para agricultura e tem em sua composição cerca de 15% de enxofre e 18% de cálcio. Na sua fórmula também pode haver outros nutrientes, como boro, cobre, fósforo e zinco.

No Brasil, os solos são ácidos e possuem pouco cálcio e muito alumínio – situação contrária à ideal, já que o cálcio melhora o crescimento das raízes e o alumínio é tóxico para as plantas. Com isso, a maioria das raízes fica muito próxima à superfície, o que compromete a absorção de nutrientes.

O gesso não altera o pH do solo para neutralizar a sua acidez, como acontece com a calagem, mas migra mais rapidamente para o perfil do solo, atingindo camadas mais profundas. 

A ação do gesso agrícola no solo reduz os níveis de alumínio e melhora as suas propriedades físicas, físico-químicas e biológicas.

Quando Fazer a Gessagem do Solo?

quando-aplicar-gesso-agricola

Antes de decidir pela gessagem, é importante analisar o solo. Essas são as condições que indicam a necessidade de aplicação do gesso agrícola:

  • cálcio menor que 0,5 cmolc/dm3
  • alumínio maior que 0,5 cmolc/dm3
  • saturação por alumínio maior que 20%
  • saturação por bases (V%) menor que 35%

Se o solo tiver uma mais dessas características, a gessagem já é recomendada. O ideal é fazer a aplicação do produto em dias chuvosos, pois essa condição facilita a sua dissolução.

Gesso Agrícola vc Calagem: Quais São as Diferenças?

É muito comum confundir a gessagem com a calagem. No entanto, os dois conceitos são bem diferentes, apesar de ambos serem importantes.

Confira as principais diferenças entre gesso agrícola e calagem:

  • a calagem altera o pH do solo e a gessagem não;
  • o gesso fornece cálcio e enxofre para o solo, enquanto o calcário fornece cálcio e magnésio;
  • o gesso atua em camadas mais profundas do que o calcário;
  • ambos reduzem o alumínio, mas o calcário elimina a acidez, enquanto o gesso agrícola aumenta o sistema radicular em sua profundidade, o que facilita a absorção de água e nutrientes.

Quais os Benefícios do Gesso Agrícola no Solo?

beneficios-do-gesso-agricola

Lendo até aqui, você já descobriu alguns dos principais benefícios do gesso agrícola para o solo – a diminuição da saturação do alumínio e a facilitação da absorção de água e nutrientes.

Mas a lista de vantagens não para por aí. A seguir, listamos alguns outros benefícios:

  • fornecimento de cálcio em profundidade;
  • aumento do sistema radicular das plantas, que conseguem suportar melhor as secas;
  • condicionamento do solo;
  • permite que a planta consiga explorar um maior volume de solo.

Quais São os Tipos de Gesso Agrícola?

Existem dois tipos de gesso agrícola no Brasil: o fosfogesso e o gesso natural. Ambos têm a mesma ação, mas também existem algumas diferenças.

O fosfogesso é um resíduo da produção de fósforo, enquanto o gesso agrícola natural tem origem em minas de estados como Maranhão, Ceará, Rio Grande do Norte e Pernambuco, e é produzido pelo aquecimento da gibsita.

Outra diferença é que o fosfogesso é mais úmido, e isso torna a sua aplicação um pouco mais complexa.

Como Aplicar o Gesso de Forma Correta?

A aplicação do gesso agrícola é uma atividade que demanda tempo, mão-de-obra, equipamentos específicos e conhecimento sobre a atual situação do solo. Por isso, o produtor deve tomar cuidado para não cometer erros ao longo do processo.

O primeiro passo, como já falamos, é fazer uma análise do solo. Só assim é possível saber se o gesso é necessário e qual a quantidade ideal. Na hora da amostragem, o produtor precisa tomar cuidado para não misturar os solos de cada camada na aplicação, pois o gesso atua em subsuperfície, ou seja, abaixo de 20 cm de profundidade.

Depois de definir a quantidade, é hora de levantar os custos do produto e do seu transporte, para que se possa escolher a opção mais vantajosa.

Caso seja necessário fazer adubação corretiva, o gesso agrícola deve ser aplicado no mesmo momento da adubação. 

Por fim, é importante lembrar que a aplicação do gesso agrícola deve ser feita junto com a calagem, mas nunca deve substituí-la.

Dúvidas Frequentes Sobre Gesso Agrícola

A Aplicação do Gesso Deve Ser em Área Total?

A aplicação em área total é a aplicação uniforme do gesso agrícola na superfície do terreno. Essa é a forma mais comum de fazer a distribuição do produto. Essa opção é comumente escolhida porque o gesso não possui alta mobilidade no solo.

Gesso Amplifica a Exploração das Plantas no Solo?

Sim. O aumento da exploração das raízes e da fertilidade é um benefício da utilização do gesso agrícola, que tem alta solubilidade e fornece cálcio rapidamente para as plantas.

Qual o Preço do Gesso Agrícola?

A gessagem é uma alternativa barata para melhorar a qualidade do solo. Uma tonelada de gesso custa, em média, R$ 30. O custo maior é o do frete, a depender da região em que a propriedade se encontra.

Economize Tempo no Controle de Sua Propriedade Adotando Um Software de Gestão Agrícola

Um software de gestão agrícola pode ajudar você a controlar todos os processos da sua propriedade — incluindo a aplicação de gesso agrícola e outras etapas da preparação do solo, semeadura, compra de insumos, estoque e até mesmo as vendas de produtos.

A EasyFarm é um software que permite o acompanhamento do desempenho da fazenda em tempo real. 

Além de organizar e agregar dados sobre a lavoura em um só lugar, o nosso sistema fornece relatórios completos em poucos segundos, que podem ser disponibilizados automaticamente para toda a equipe.

A EasyFarm tem ainda funcionalidades de controle de estoque e insumos, gestão de pessoas, vendas, controle de fluxo de caixa e contas a pagar e a receber, entre outras.

Teste o software gratuitamente por 7 dias e tenha todos os detalhes da sua produção nas suas mãos!

Continue lendo…

Ciclo da Soja: O Que É, Qual a Duração e Quais as Etapas?
Software de Gestão Rural: 8 Dicas Para Escolha de um Bom Software!
NR 31: O Que é, Qual a Importância e Suas Aplicações?

Raphael Ivan

Programador apaixonado e entusiasta do Agronegócio, fundador e CEO da easyfarm. Sonha em voltar a produzir café, principalmente para sustentar seu vício pela bebida.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *